11/01/2019 14h00

Laguna Carapã é o 96º município do país na lista dos maiores produtores

Foto: Sindicato Rural de Laguna Carapã Laguna está entre os 100 maiores produtores do Brasil

Mato Grosso do Sul possui outras 11 cidades entre as 100 do Brasil com destaque no agronegócio
 


A cidade de Laguna Carapã está em 96º lugar em lista divulgada pelo Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) que lista as 100 cidades brasileiras com maior produção de agronegócio. Outros 11 municípios de Mato Grosso do Sul compõe o levantamento.

De acordo com a pesquisa, as cidades listadas cresceram, em média, 9,81% entre os anos de 2014 e 2016. Maracaju, por sua vez, registrou crescimento de 12,81% neste período. O município produziu, em 2017, quase duas toneladas de cana-de-açúcar e mais de uma tonelada de milho, conforme dados da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).

Entre os municípios sul-mato-grossense que estão na lista, destacam-se também Maracaju que está em 15° lugar, Rio Brilhante, que ocupa a 24ª posição e teve uma expansão de 22,18%, e Nova Alvorada do Sul (82º lugar) que registrou crescimento nos dois anos de 25,61%.

A lista também conta com: Ponta Porã em 23° lugar no ranking e 11,21% de crescimento; Sidrolândia, 27ª colocação e crescimento de 10,62%; Dourados na 28° posição e 6,06% de evolução; Costa Rica em 49° e com 13,95% de melhora; São Gabriel do Oeste na 69ª posição e registrados 13,28% de crescimento; Chapadão do Sul, que ficou em 77° lugar, mas teve 3,75% de evolução; Caarapó na 90ª posição, com crescimento de 15,72%; Aral Moreira em 95° lugar, com 8,75% de aumento; e Laguna Carapã que ficou na 96ª posição e teve 10,8% de crescimento.

Ainda conforme o levantamento do Ministério da Agricultura, os 100 maiores municípios do agronegócio, quando isolados, correspondem a 7,2% do PIB (Produto Interno Bruto) do país e 27,5% do VBP Lavouras (Valor Bruto da Produção). Ao menos 82% dos municípios listados tiveram crescimento nominal superior à taxa anual do PIB do país, que foi de 4,4% entre 2014 e 2016.

 

Midia Max

Vídeos

  • Acompanhamento de safra do milho com João Firmino, Presidente do Sindicato Rural
  • Presidente do Sindicato Rural fala sobre atraso da Colheita devido a chuva
  • Invernada Juvenil do CTG Recanto da Laguna

Agenda

Publicidade